Notícias › 10/01/2017

Cardeal Orani: artigos sobre documento “O Dom da Vocação Presbiteral”

Com a divulgação do documento “O Dom da Vocação Presbiteral: Ratio Fundamentalis Institutionis Sacerdotalis”, da Congregação para o Clero, no dia 8 de dezembro de 2016, o arcebispo do Rio de Janeiro (RJ), cardeal Orani João Tempesta, apresenta, desde o dia 4 de janeiro, uma série de artigos com as reflexões abordadas no texto que visa contribuir na missão formativa dos seminaristas e do clero de toda a Igreja.

O documento atualiza as regras inalteradas desde 1985 e explica detalhadamente como deve ser realizada a formação dos seminaristas, os futuros sacerdotes. Nos dois primeiros artigos, dom Orani Tempesta trata da Introdução Geral e do primeiro capítulo do documento, seguidos da vocação sacerdotal e dos fundamentos gerais da sua formação, o que está nos capítulos II e III daquele que é considerado pelo purpurado um “denso trabalho” da Congregação para o Clero.

“A tônica geral ou a linha-mestra é o chamado do seminarista e do sacerdote, ao longo de toda a sua vida, a configurar-se a Cristo, o Sumo, Eterno e Único Sacerdote, que veio para servir e não para ser servido, cumprindo a vontade do Pai e não a sua”, comenta o cardeal Tempesta.

Na abordagem do documento, explica dom Orani, a formação sacerdotal deve sempre contemplar quatro grandes pontos. “Há de ser: única, integral, comunitária e missionária, e nunca pode desprezar o caminho do discipulado já feito pelo candidato antes de ingressar em um Seminário ou Casa de Formação, dado que desde o Batismo somos formados para o serviço a Deus e aos irmãos e irmãs”. O sacerdote, afirma, é um dom para a Igreja, a fim de se santificar e santificar a outros em sua missão presbiteral.

Acompanhe a publicação dos artigos do cardeal Orani Tempesta

Leia o texto completo do documento da Congregação para o Clero

Por CNBB