Notícias da paróquia › 27/04/2017

Homilia de Dom Marcony nos 57 anos da Capital: “Precisamos de coragem para construirmos uma Brasília melhor

A Arquidiocese de Brasília realizou na manhã desta sexta-feira, 21 de abril, a Missa em ação de graças pelos 57 anos de Brasília. A Celebração aconteceu na Catedral Metropolitana Nossa Senhora Aparecida e foi presidida pelo bispo auxiliar dom Marcony Ferreira. Cerca de 500 pessoas compareceram à Catedral, entre fiéis e autoridades do Governo do Distrito Federal.

Dom Marcony iniciou a homilia proclamando a todos “Cristo ressuscitou! Aleluia!”. O bispo, embasado pelo tempo da Páscoa, ressaltou a presença de Jesus Vivo na vida de todos nós.

Dom Marcony seguiu destacando a importância da presença da fé no dia a dia. Segundo o bispo, enquanto muitas vezes as dificuldades e as tribulações fazem com que as pessoas não enxerguem o agir de Deus em suas vidas, a força da fé as levanta e as fazem ver a presença das graças de Deus. “Quando não temos Jesus, não vem nada nas redes. É a nossa fé que nos move a reconhecer Jesus, a estar com Jesus. Não podemos separar a nossa vida da nossa fé, seja ela no campo do governo, seja ela no dia a dia das nossas pescarias.”

O bispo seguiu dizendo que a Capital do sonho de Dom Bosco, nasceu à sombra da cruz de Cristo. “ À sobra da cruz fomos inaugurados, criados na esperança, na Capital da esperança. E nesses 57 anos, somos chamados, e até impelidos a dizer um muito obrigado a Deus por nos acompanhar como ressuscitado e produzir vida e sentido para as nossas vidas”.

Dom Marcony destacou da primeira leitura a coragem dos apóstolos, que mesmo sabendo dos riscos que corriam, foram anunciar Jesus e por isso foram presos e castigados.

“Hoje nós temos que ter a coragem de, seja no nosso ambiente de trabalho ou onde quer que nos estejamos, manifestar a nossa fé, manifestar que Jesus está conosco. E se Jesus está conosco, que possamos também realizar milagres. Milagres da paz e segurança. Milagres da concórdia e da solidariedade. Milagre de olhar para os mais necessitados e dar vida e dignidade. Milagres de caminharmos unidos e juntos buscarmos uma Brasília mais justa, uma Brasília de irmãos. Coragem como dos apóstolos. Coragem para não desanimar.”

Veja a homilia na íntegra:

Ao final da homilia, dom Marcony também fez referência aos governantes dizendo que “Como os apóstolos, vamos juntos pescar. Sempre juntos como irmãos. Não podemos separar quem nos governa e quem é governado. Somos todos irmãos, filhos do mesmo Pai e todos lançamos as redes para que tenhamos a esperança dos frutos.”

Por fim o bispo encoraja a todos, que unidos como irmão, possamos viver na busca constante de fazer o bem e o melhor para os outros. “Filhos amados, é preciso – seja dentro de um governo, seja dentro de uma cidade, seja até mesmo no governo de nossa casa – prudência, é preciso sabedoria, é preciso o dom da fortaleza, é preciso serenidade. Em toda e qualquer atuação, desde servir um cafezinho a assinar um documento que decide algo em nossa Capital, busquemos o bem comum, busquemos pescar juntos, busquemos viver como irmãos para que vejamos as redes cheias. Escutemos o Jesus vivo e ressuscitado que nos ajuda na construção de dias melhores. Sejamos também gratos a Deus porque o Senhor nunca nos abandona e nunca nos abandonou e constantemente está no meio de nós, nos enchendo de vida pascal, mesmo diante de águas revoltas.”

Ao final da Celebração dom Marcony agradeceu a presença de todos e convidou para a Celebração que será realizada em memória a primeira Missa celebrada na Capital, no dia 3 de maio, às 10h, na Catedral de Brasília.

Veja as fotos desta Missa clicando aqui

Fonte: Arquidiocese de Brasília