Notícias da paróquia › 16/07/2013

Juventude brasiliense se prepara para encontro com o Papa

A Igreja Católica de Brasília enviará muitos jovens para a Jornada Mundial da Juventude, que acontece no Rio de Janeiro entre os dias 23 e 28 de julho. De acordo com a Arquidiocese de Brasília, entre peregrinos e voluntários, o número deve chegar a 4 mil pessoas.

O Movimento Regnum Christi levará um grupo de aproximadamente 150 peregrinos e mais de 30 voluntários. Junto a estes irão sacerdotes e consagradas que acompanharão espiritualmente os jovens com a realização de pregações, celebrações eucarísticas, confissões e direções espirituais. Em agosto de 2012, estes jovens iniciaram uma série de vigílias pela JMJ Rio2013, e desde então, dia 22 de cada mês é realizada uma adoração ao Santíssimo Sacramento encerrada com a celebração da Santa Missa, às 23h, horário complicado, mas que atraiu o público.

A publicitária Priscila Alvim, 30 anos, falou sobre a experiência de estar à frente do RC em Brasília. “O que eu mais gosto é a parte da motivação, pois me anima despertar nas pessoas o desejo de viver e compartilhar com elas a experiência que eu vivi de estar próxima ao Santo Padre, na última jornada em Madri,  e cercada de jovens que, assim como eu, não perderam a esperança no mundo melhor”, conta.

Para Noel Júnior, jornalista, 29, que acaba de se decidir pelo Jornada e cancelar uma viagem de férias, a viagem será um novo Pentecostes. “A motivação que me leva para JMJ com é saber que vamos partilhar o nosso carisma, a nossa fé e o nosso estilo de vida cristã com  jovens do mundo inteiro, proclamando um único Deus; além de estar na presença do Papa Francisco, guia da nossa Igreja”, observa.

Por sua vez, desde outubro do ano passado os jovens de outro movimento, o Emaús, fecharam um grupo de 34 pessoas que se inscreveu na JMJ. “Para nos preparar melhor fizemos reuniões com interação e espiritualidade. E, desde março, nos encontramos para estudar a vida dos patronos da JMJ Rio 2013 (São Sebastião, Santo Antônio de Santana Galvão, Santa Teresa de Lisieux e Beato João Paulo II), destaca Eliana dos Santos, também publicitária, de 25 anos.

Segundo ela, já que o grupo foi fechado com muita antecedência, agora em junho uma outra caravana está sendo organizada, para que ambos participem juntos da Jornada no Rio de Janeiro. “Quando tivermos uma noção melhor de onde vamos ficar e da programação detalhada, vamos agendar um encontro dos diversos grupos do Emaús que existem nas outras cidades, para compartilharmos a experiência e renovarmos a nossa fé”, disse, entusiasmada.

Quem também está de malas prontas para o grande encontro da juventude católica com o Santo Padre Francisco é Movimento JOIA – Jovens Organizando e Instituindo o Amor. Fundado há 40 anos na Paróquia Nossa Senhora de Fátima, localizada em Taguatinga Sul-DF, o grupo pertence a Arquidiocese de Brasília e tem uma ramificação pastoral no Rio de Janeiro.

“Iniciamos nossa excursão no final do ano passado. Pretendemos participar com um grupo de 50 peregrinos. A expectativa é muito grande. Além da oportunidade de conhecer o Papa, o grupo quer se unir a jovens de dezenas de outros países e mostrar a unidade da nossa Igreja, fundamentada no amor por Jesus Cristo. O JOIA quer atender ao chamado de nosso Mestre e Senhor, que nos convida a ir e fazer discípulos entre as nações (cf. Mt 28,19)”, enfatizou a coordenadora do Movimento, Jeann Marie Marcelino, 41 anos, especialista em saúde pública.

Informações:
Site da Semana Missionária: www.semanamissionariabrasilia.com.br
Telefone: (61) 32133346/ (61) 3213 3345 / (61) 8590 3330

Por Edmar Araújo e Amandda Souza