Horário de Funcionamento e Visita
Segunda-feira: das 08h às 17h
Terça e Sexta-feira: das 10:30h às 17h (limpeza da Nave Central das 08h às 10:30h)
Quarta, Quinta Sábado e Domingo: das 08h às 17h
Hours of Operation and Visit
Monday: 8am at 5pm
Tuesday and Friday: 10:30 - 17: 00 (cleaning of the Central Ship from 08:30 - 10:30)
Wednesday, Thursday Saturday and Sunday: from 08h to 17h

Equipe Nacional da Campanha da Fraternidade se encontra na sede da CNBB

Equipe-CF-1200x762-c

No dia 7 de agosto, a Equipe Nacional da Campanha da Fraternidade (CF) se encontrou na sede da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) com a tarefa de elaborar o programa do Seminário Nacional da Campanha da Fraternidade 2020, a ser realizado de de 1º a 3 de outubro próximo, no Centro Cultural Missionário (CCM), em Brasília-DF. Participarão deste Seminário, dois representantes de cada um dos 18 regionais da entidade, a ser escolhidos por seus próprios regionais.

Na reunião, o grupo apreciou o texto-base, a proposta de identidade visual da campanha e cerca de 20 hinos que chegaram à CNBB via concurso nacional. O Conselho Pastoral (CONSEP) da CNBB, que se encontrará na sede da entidade de 20 a 21 de agosto, aprovará este conjunto de materiais mobilizadores da CF 2020.

A equipe também aproveitou para avaliar o caminho feito até aqui. Um dos destaques positivos, segundo o Coordenador de Campanhas da CNBB, padre Patriky Samuel Batista é ter um padre especificamente para fazer o elo de ligação e também a retomada da origem e fundamentos da Campanha da Fraternidade.

Objetivo geral da CF – Com o tema “Fraternidade e Vida: Dom e Compromisso” e o lema “Viu, sentiu compaixão e cuidou dele” (cf. Lc 10,33-34), a CF 2020 já tem também seu objetivo geral: “Conscientizar à luz da Palavra de Deus para o serviço da vida como dom e compromisso que se traduzem em relações mútuas de cuidado entre as pessoas, na família, na comunidade, na sociedade e diante do planeta, nossa Casa Comum”.

O foco do trabalho após a realização do Seminário Nacional, segundo padre Patriky, será a realização dos seminários regionais e o trabalho para a redescoberta do sentido da Campanha da Fraternidade, partindo de suas origens, ajudando as comunidades a viverem a Quaresma como um momento de conversão e espiritualidade e também de proximidade.

Integram a Equipe Nacional da Campanha da Fraternidade, além do Coordenador de Campanhas da CNBB, o subsecretário adjunto de Pastoral da CNBB e representantes das cinco macrorregiões brasileiras (Norte, Nordeste, Sudeste, Sul e Centro-Oeste).

Via CNBB

2019-08-09T09:08:06-03:0009/08/2019|