Horário de Funcionamento e Visita
Segunda-feira: das 08h às 17h
Terça e Sexta-feira: das 10:30h às 17h (limpeza da Nave Central das 08h às 10:30h)
Quarta, Quinta Sábado e Domingo: das 08h às 17h
Hours of Operation and Visit
Monday: 8am at 5pm
Tuesday and Friday: 10:30 - 17: 00 (cleaning of the Central Ship from 08:30 - 10:30)
Wednesday, Thursday Saturday and Sunday: from 08h to 17h
Horários de Funcionamento na Pandemia
Segundas: fechada
De terça a sexta: das 08h às 12h15 (inicio da missa) depois fecha.
Sábados: das 08h às 17h (inicio da missa)
Domingos: das 09 às 12h e das 16h às 18h (inicio da missa)

Este é o programa oficial da visita do Papa Francisco ao Egito

A Sala de Imprensa da Santa Sé divulgou o programa da viagem do Papa Francisco ao Egito, que acontecerá nos dias 28 e 29 de abril.

O Santo Padre chagará ao Aeroporto Internacional do Cairo na sexta-feira, 28, às 14h. Na pista do aeroporto, haverá uma acolhida oficial e, depois, acontecerá uma cerimônia de boas-vindas no palácio presidencial em Heliópolis.

Em seguida, Francisco realizará uma visita de cortesia ao Presidente da República e ao Grande Imã da Universidade e Mesquita Al-Azhar. Depois, fará um discurso aos participantes da Conferência Internacional sobre a Paz.

Às 16h40, irá se reunir com diversas autoridades e finalizará a programação deste dia com uma visita ao Papa da Igreja Ortodoxa Copta, Tawadros II, diante de quem fará outro discurso.

No sábado, 29, o Pontífice celebrará Missa às 10h. Às 12h15, almoçará com os Bispos egípcios e com o séquito papal. Às 15h15, realizará um encontro de oração com sacerdotes, religiosos, religiosas e seminaristas e lhes dirigirá algumas palavras.

Depois da cerimônia de despedida, o Papa regressará a Roma às 17h e chegará na capital italiana às 20h30.

Esta viagem terá um forte caráter ecumênico e inter-religioso. Ecumênico pelas relações com a Igreja Copta Ortodoxa, a maior comunidade cristã do Oriente Médio. Inter-religiosa pelo diálogo com os muçulmanos em um momento no qual os diferentes interesses políticos tentam semear o ódio entre muçulmanos e cristãos para alcançar seus objetivos partidários.

O último Papa que visitou o Egito foi São João Paulo II, que foi ao Cairo durante a peregrinação jubilar do ano 2000.

Por ACI Digital

2017-04-04T08:45:26-03:0004/04/2017|
Abrir chat
Powered by