Horário de Funcionamento e Visita
Segunda-feira: das 08h às 17h
Terça e Sexta-feira: das 10:30h às 17h (limpeza da Nave Central das 08h às 10:30h)
Quarta, Quinta Sábado e Domingo: das 08h às 17h
Hours of Operation and Visit
Monday: 8am at 5pm
Tuesday and Friday: 10:30 - 17: 00 (cleaning of the Central Ship from 08:30 - 10:30)
Wednesday, Thursday Saturday and Sunday: from 08h to 17h
Horários de Funcionamento na Pandemia
Segundas: fechada
De terça a sexta: das 08h às 12h15 (inicio da missa) depois fecha.
Sábados: das 08h às 17h (inicio da missa)
Domingos: das 09 às 12h e das 16h às 18h (inicio da missa)
Visitas às áreas internas da catedral suspensas enquanto durar a Pandemia

7 – A Cruz Histórica

Voltar ao Guia de Visitação
7 - A Cruz Histórica

À esquerda de quem entra na Catedral, ao lado do Coro, está a Cruz histórica, assim chamada porque foi plantada no solo da capital por ocasião da Primeira Missa oficialmente programada para a inauguração da nova Capital, no dia 3 de maio de 1957. Presidida por D. Carlos Carmelo de Vasconcelos Motta, Cardeal Arcebispo de São Paulo, a Missa foi celebrada junto a essa Cruz, colocada a mil cento e setenta e três metros de altitude, no lugar hoje situado entre o Memorial JK e a Catedral Militar. A data foi especialmente escolhida por ser, de acordo com o calendário litúrgico da época, dia da festa da Santa Cruz. O presidente Juscelino Kubistchek – fundador da cidade – em discurso na ocasião, afirmou:Plantamos, com o sacrifício da Santa Missa, uma semente espiritual neste sítio que é o coração da Pátria. Acrescentando: “Hoje é o dia da Santa Cruz, dia em que a Capital recém-nascida recebe o seu batismo cristão.6

6 SILVA, ERNESTO. História de Brasília 1971, p.147. Editora de Brasília. Coedição do Instituto Nacional do Livro.

Open chat