6º Domingo da Páscoa – 17.05.2020

A PALAVRA DO PASTOR

+ Dom Sergio da Rocha

O ESPÍRITO DA VERDADE E DEFENSOR

Estamos para celebrar as solenidades da Ascensão do Senhor e de Pentecostes nos próximos domingos do Tempo Pascal. O Evangelho, hoje proclamado, nos prepara para essas grandes celebrações pascais, recordando-nos a promessa de Jesus de não deixar “órfãos” os seus discípulos, ao retornar para o Pai, enviando-lhes o Espírito Santo, o “defensor” que permanece sempre com os discípulos, o “Espírito da verdade”, que estará “junto” dos discípulos e “dentro” deles (Jo 14,16-17). Para receber a manifestação de Jesus e acolher o dom do Espírito, somos convidados a acolher e observar os seus mandamentos.

Desde o início deste tempo litúrgico, temos sido motivados não apenas a celebrar, mas também a viver a Páscoa que celebramos. Por isso, a promessa de Jesus, já cumprida, se dirige também a nós. A nós, hoje, o Senhor promete não nos deixar sozinhos e nos oferece o dom do Espírito da verdade, o defensor. Nós somos agraciados com a presença do Ressuscitado e com o dom do seu Espírito. A esses dons respondemos com o louvor e com o cumprimento de sua Palavra.

Contudo, os mistérios pascais que celebramos não ficam apenas no interior dos templos ou da comunidade cristã. Toda a terra deve aclamar a Deus e cantar salmos a seu nome glorioso, conforme o Salmo 65. Para tanto, é preciso testemunhar o Evangelho a todos, como fez corajosamente Filipe, na Samaria (At 8,5).

A primeira carta de São Pedro nos alerta: “estai sempre prontos a dar a razão da vossa esperança a todo aquele que pedir” (1Pd 3,15). A fé celebrada se transforma em fé vivida e testemunhada no mundo, também entre aqueles que não creem em Cristo. Entretanto, isso deve ser feito “com mansidão e respeito e com boa consciência”. Para que a missão evangelizadora da Igreja continue a se cumprir, no mundo de hoje, necessitamos de cristãos com o coração missionário e, acima de tudo, precisamos do Espírito de Deus para nos iluminar e tornar fecundo o trabalho evangelizador.

Neste tempo difícil de pandemia, nós somos convidados a testemunhar a fé, através do amor e da solidariedade com os que mais sofrem, sendo portadores da esperança que tem sua razão de ser em Cristo Ressuscitado.  A oração e a meditação da Palavra de Deus, tão necessárias o ano todo, tornam-se ainda mais importantes, neste momento. Por isso, organize a sua vida cotidiana para poder rezar mais e melhor.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Share on print
ATUALIDADES
AGENDA

2021 dezembro

Semana 2

seg 29
ter 30
qua 1
qui 2
sex 3
sáb 4
dom 5
seg 6
ter 7
qua 8
qui 9
sex 10
sáb 11
dom 12
seg 13
ter 14
qua 15
qui 16
sex 17
sáb 18
dom 19
seg 20
ter 21
qua 22
qui 23
sex 24
sáb 25
dom 26
seg 27
ter 28
qua 29
qui 30
sex 31
sáb 1
dom 2
SITES INDICADOS
Open chat