Solenidade dos Apóstolos Pedro e Paulo – 28.06.2020

A PALAVRA DO PASTOR

+Dom José Aparecido Gonçalves de Almeida

TU ÉS PEDRO E SOBRE ESTA PEDRA EDIFICAREI A MINHA IGREJA

A solenidade de São Pedro e São Paulo Apóstolos é antiquíssima. Estando na origem da fé da Igreja, eles permanecerão definitivamente como seus patronos e guias. A verdadeira grandeza da Roma se deve mais a Pedro e Paulo, que lá derramaram o sangue, do que aos césares. Quem são estes homens?

Simão, nato em Betsaida às margens do lago de Tiberíades, foi introduzido pelo irmão André entre os discípulos de Jesus. Simão e André, juntamente com os dois filhos de Zebedeu, foram convidados pelo Senhor a abandonar as redes para se tornarem “pescadores de homens”. Jesus deu a Simão o nome de Pedro e o constituiu fundamento da Igreja e detentor das chaves do reino dos céus.

Com Tiago e João, Pedro foi testemunha da transfiguração do Salvador no Tabor e da angústia de Jesus no Getsêmani. Na última ceia Jesus lhe confiou a missão de confirmar na fé os irmãos. Durante a paixão de Cristo, renegou o seu Mestre, mas imediatamente chorou amargamente a traição. O Ressuscitado, ao ouvir de Pedro a tríplice confissão de amor, confiou-lhe o supremo pastoreio de toda a grei cristã.

Depois de Pentecostes governou por algum tempo a Igreja de Antioquia e depois a Igreja de Roma. Sob a perseguição de Nero, ele e Paulo obtiveram a coroa do martírio.

Paulo, antes chamado Saulo, nasceu em Tarso da Cilícia. Em Jerusalém foi discípulo de Gamaliel e tornou-se um zeloso doutor da lei e fariseu. Tomou parte como testemunha da morte de Estêvão e foi implacável perseguidor dos discípulos de Jesus.

A caminho de Damasco, a experiência de encontro com o Ressuscitado o transformou num apaixonado pregoeiro do Evangelho. Após alguns anos de solidão e silêncio, chamado por Barnabé, foi acolhido em Antioquia. De lá partiu para inúmeras viagens missionárias, viagens estas que deram vida a muitas Igrejas de cristãos provenientes dos gentios. Preso muitas vezes, arrostou fadigas e perigos com fortaleza e amor ardente. Combateu o bom combate da fé até a efusão do sangue sob Nero.

A missa do dia testemunha a confiança da Igreja na intercessão “destes Apóstolos que nos deram as primícias da fé” (Coleta). O Evangelho evidencia singular missão de Pedro na Igreja. Jesus anuncia que o novo povo de Deus tem o seu fundamento na Rocha que, após a Sua Ascensão aos céus, será Pedro. A ele confia as chaves: Tu és Pedro…! Esta missão de Pedro será transmitida aos seus sucessores, os Papas. O Papa Francisco é o sucessor de Pedro, o primeiro dos Apóstolos, mas também de Paulo, apóstolo das gentes. Princípio visível de unidade como Pedro e testemunha da universalidade da mensagem de Cristo, como Paulo.

Confiando na intercessão dos santos Apóstolos Pedro e Paulo, a Igreja no Brasil celebra o dia do Papa, atendendo ao constante pedido do Santo Padre Francisco: “Rezem por mim”.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Share on print
ATUALIDADES
AGENDA

2021 dezembro

Semana 2

seg 29
ter 30
qua 1
qui 2
sex 3
sáb 4
dom 5
seg 6
ter 7
qua 8
qui 9
sex 10
sáb 11
dom 12
seg 13
ter 14
qua 15
qui 16
sex 17
sáb 18
dom 19
seg 20
ter 21
qua 22
qui 23
sex 24
sáb 25
dom 26
seg 27
ter 28
qua 29
qui 30
sex 31
sáb 1
dom 2
SITES INDICADOS
Open chat