Horário de Funcionamento e Visita
Segunda-feira: das 08h às 17h
Terça e Sexta-feira: das 10:30h às 17h (limpeza da Nave Central das 08h às 10:30h)
Quarta, Quinta Sábado e Domingo: das 08h às 17h
Hours of Operation and Visit
Monday: 8am at 5pm
Tuesday and Friday: 10:30 - 17: 00 (cleaning of the Central Ship from 08:30 - 10:30)
Wednesday, Thursday Saturday and Sunday: from 08h to 17h

Reciprocidade: vamos falar sobre troca de sentimentos?

Reciprocidade: uma palavra que não ouvimos muito dizerem por aí, mas que se faz presente ao longo de nosso dia a dia e de nossa vida. Reciprocidade ou troca, mutualidade, correspondência… Vamos falar sobre a troca dos bons sentimentos.

Quando ouvimos a expressão “A vida é uma via de mão dupla”, isso fala um pouco dessa troca, desse sentimento presente em nossa rotina. Um agradecimento, uma gentileza trocada, um diálogo cheio de confiança entre as partes, um sentimento de simpatia e carinho mútuo.

A reciprocidade é importante, pois funciona como uma base, um apoio nos relacionamentos, sejam eles amorosos, profissionais ou sociais. E o sentimento precisa vir do coração, ser genuíno. A recíproca realmente precisa ser verdadeira. As pessoas precisam de laços verdadeiros e relações mais sinceras. A vida corrida, a pressão do imediato, os relacionamentos virtuais, tudo tende a levar as pessoas para um afastamento do calor humano, das conversas e trocas de sentimentos, de gestos trocados, de olho no olho.

Realmente, gentileza gera gentileza, amor gera amor. confiança gera confiança, e por aí vai… Mesmo que, ao longo da vida, decepcionemo-nos com as pessoas e situações, vale a pena nos abrirmos para as coisas boas, gerarmos dentro de nosso coração os bons sentimentos que acabam por ‘escapar’ em nossas ações. Tudo isso contagia as pessoas e os ambientes onde estamos. É uma troca, uma troca real, um dar e receber. Uma mão dupla.

Para viver esse sentimento na prática, podemos tomar algumas atitudes concretas como buscar ser uma pessoa melhor, trabalhar as emoções e os sentimentos bons, desenvolver hábitos que contagiem como sorrir mais, agradecer, cumprimentar… Coisas pequenas e simples, mas que têm grandes efeitos.

Nos relacionamentos, a reciprocidade precisa estar presente tanto nas amizades quanto no namoro e casamento. Não dá para construir uma relação sem a troca de sentimento. As pessoas podem ser diferentes na personalidade, como, por exemplo, uma ser mais tímida e a outra mais extrovertida, mas se no coração há o sentimento recíproco, o amor e o respeito, o relacionamento têm base, tem onde se apoiar. É como uma estrutura de duas pernas, se uma está quebrada ou falta, tudo desmorona.

Os relacionamentos precisam ser inteiros, com trocas mútuas de amor, fidelidade e respeito. Não é utopia. Não é irreal. É verdadeiro, acontece. E começa dentro de cada um de nós. Começa em você e se espalha como sementes ao vento. E o primeiro a colher os frutos dos bons sentimentos recíprocos somos nós mesmos.

Por Paulo Victor e Letícia Dias, via Canção Nova

2019-02-22T09:02:09-03:0022/02/2019|